Dra Mariana Neto Silva| Clinica Pediátrica Mamãe Coruja                                                                                                                             
 
Buscar
  • Ismael Ribeiro

ABRIL AZUL: SAIBA MAIS SOBRE O MÊS DA CONSCIENTIZAÇÃO DO AUTISMO


Campanha Abril Azul visa conscientizar a população  sobre as diversas ações voltadas para o autismo
Abril Azul - Campanha sobre o autismo

Abril Azul

A Organização das Nações Unidas (ONU) escolheu o dia 2 de abril como Dia Mundial de Conscientização do Autismo para dar visibilidade ao tema, já que o transtorno ainda é bastante desconhecido pela população. Assim, criou-se também a campanha Abril Azul para que o mês inteiro seja marcado com diversas ações voltadas para o autismo.


O Transtorno do Espectro Autista (TEA) é uma condição neuropsiquiátrica que reúne desordens no desenvolvimento neurológico, afetando a comunicação, capacidade de aprendizado e adaptação, o que torna diferente o convívio social. A campanha tem o papel de mostrar as características dessa condição especial, destacando que não é uma doença, ou seja, ninguém precisa se afastar de um autista. Pelo contrário: é preciso entender para incluir e ajudar.


Por que a cor azul? Porque o autismo atinge muito mais os meninos do que as meninas (proporção de 4:1), fato que a ciência ainda não consegue explicar. 👶


Neste mês, nós vestimos azul para nos manifestarmos contra a discriminação, queremos celebrar a diversidade e fortalecer o compromisso com a plena inclusão e participação de crianças e pessoas com autismo em nossa sociedade!


Conscientização


Em resumo, é essencial dar voz ao autismo, levando informação para a população e, desse modo, reduzir o preconceito. O abril Azul também tem o papel de pressionar governos para que mais políticas públicas se voltem para esse grupo — como acesso às terapias e serviços de saúde, apoio às famílias, inclusão escolar e também ao mercado de trabalho.


Além disso, é preciso que os profissionais de saúde, como médicos e terapeutas, recebam um treinamento para que consigam identificar o TEA de forma precoce. Pesquisas científicas para trazer mais respostas sobre o autismo também devem ser incentivadas. 😍🥰

Lembre-se : 😘


➡Autismo não é doença

➡Nem sempre o autismo tem “cara”

➡Pesquisas apontam que 1 a cada 100 pessoas possuem algum grau de TEA

➡ Os sinais do TEA começam na primeira infância


#pediatria#love#abrilazul#pediatra

1 visualização0 comentário